Investimentos em startups de tecnologia aumentam 29% em 2020. Investimentos em startups de saúde e higiene crescem 214% em 2020. Fundos de Private Equity e Venture Capital estrangeiros reduzem seus investimentos em 54%.O mercado transacional brasileiro registrou até o mês de julho 646 transações com um valor total de BRL 84,5bilhões, segundo o informe mensal do Transactional Track Record (TTR). Isto representa uma diminuição de 47% do valor movimentado e uma redução de 21% no número de transações, em relação ao mesmo período de 2019.Por sua vez, no mês de julho se registraram 104 transações de fusões e aquisições entre anunciadas e concluídas, por um valor total de BRL 28,7bilhões.


Os setor mais ativo do ano é o de Tecnologia com 182 transações até o fim de julho. Seguido pelo setor Financeiro e de Seguros com 86 operações e em terceiro lugar, o setor Imobiliário com 71 transações.Âmbito Cross-Border - Os Estados Unidos reduziram suas aquisições no Brasil em 19%, mesmo assim, ainda são o investidor mais ativo com 55 transações até o fim de julho. Fundos de Private Equity e Venture Capital estrangeiros também reduziram seus investimentos no Brasil em 54%. Da mesma forma, empresas estrangeiras diminuíram em 17% seus investimentos no setor de Tecnologia e Internet no Brasil, na comparação anual.


Em relação a atuação brasileira no exterior, Estados Unidos é o destino favorito na hora de realizar investimentos, com dez transações até o fim de julho. O segundo lugar onde o Brasil investiu mais esse ano é a Colômbia com quatro transações.Private Equity - Até julho, os fundos de Private Equity registraram BRL 1,9bilhões no valor transacionado, o que representa uma redução de 86% na comparação anual. O número de transações foi 45, diminuição de 21%.Venture Capital - Os fundos de Venture Capital movimentaram um total de BRL 3,8bi até julho, diminuição de 38% em relação a 2019. Já as transações foram 162, representando um aumento de 17%. O setor que mais movimentou foi o de Tecnologia com 101 transações, aumento de 29% na comparação anual. Outro setor que teve um grande salto foi o de Saúde e Higiene, com 22 transações, crescimento de 214% na comparação anual.


Transação do mês - A transação mais relevante do mês foi a venda por parte da Petrobras da participação remanescente de 10% na TAG para o grupo formado pela Engie e pelo fundo canadense Caisse de dépôt et placement du Québec. A operação do setor de energia movimentou BRL 1bi. A transação contou com a assessoria em lei brasileira dos escritórios Tauil & Chequer Advogados Associado a Mayer Brown, do Stocche Forbes Advogados e do escritório Machado, Meyer, Sendacz e Opice Advogados.


Ranking - O informe publica os rankings de assessores financeiros e jurídicos até julho de 2020 en M&A, Private Equity, Venture Capital e Mercado de Capitais, onde se informa a atividade das firmas destacadas pelo número de transações e pelo valor total das mesmas.


No ranking TTR de assessores financeiros, pelo número de transações, lidera Banco Itaú BBA com 11 transações e pelo valor total, lidera Bank of America, com BRL 20,2bi.Em relação ao ranking de assessores jurídicos, pelo número de transações, lidera Veirano Advogados com 49 operações e pelo valor total, lidera a firma Cescon, Barrieu Flesch & Barreto Advogados com BRL 8,8bi.



(Portal Fator Brasil - 06.08.2020)