Em dois meses, o Fundo Emergencial para a Saúde – Coronavírus Brasil já arrecadou mais de R$ 37 milhões para entidades que estão na linha de frente no combate à pandemia

Em dois meses de atuação, o Fundo Emergencial para a Saúde – Coronavírus Brasil já arrecadou mais de R$ 37 milhões para entidades que estão na linha de frente no combate à pandemia de Covid-19.

 

Com o aumento das doações, o Fundo vai passar a contemplar os hospitais e a Associação de Enfermagem em Manaus e Conselhos de Enfermagem no Pará (em Belém e em Marabá), além de manter o apoio a Fiocruz, Comunitas, Hospital São Paulo, Hospital Santa Marcelina, Santa Casa de São Paulo e Santa Casa de Araçatuba.

 

O Fundo Emergencial para a Saúde – Coronavírus Brasil recebe doações de pessoas físicas e empresas, como é o caso da Droga Raia e da Drogasil, do grupo RD, que doaram R$ 25 milhões.

 

Com o movimento ‘Todo Cidadão Conta’, serão beneficiados 50 hospitais filantrópicos de municípios pequenos e médios no interior do país com altos índices de vulnerabilidade social e risco de aumento de casos do coronavírus.

 

Os recursos serão utilizados para a compra de equipamentos hospitalares como respiradores e desfibriladores, além de equipamentos de proteção individual, tais como máscaras, luvas e aventais.

 

Empresas como Tik Tok, Bain & Company, Banco Pactual, Ban co ABC Brasil, Carla Amorim, Machado Meyer Advogados, Pátria Investimentos, Privalia, Softtek, entre outras, também fizeram contribuições.  

 

A SulAmérica incentivou seus colaboradores a se engajarem e colaborarem, o que resultou em R$ 81 mil. A seguradora somou R$ 1 milhão ao valor arrecadado pelas equipes.

 

Os hotéis Grand Hyatt do Brasil lançaram o ‘Voucher do Bem’ e passaram a doar o lucro das vendas do produto.

 

Já a Velocity criou a campanha ‘Juntos Somos Mais Fortes’ e a Liberty Seguros doou R$ 250 mil para compra de máscaras para a Santa Casa de São Paulo. 

 

As doações também chegam via ações promocionais e culturais, além de eventos online, como a iniciativa #AoVivoPelaVida. 

 

Para realizar uma doação, acesse o site.

 

(Observatório do Terceiro Setor – 02.06.2020)

(Notícia na íntegra)