A Cesp - Companhia Energética de São Paulo realizou a décima segunda emissão de títulos, em série única, por US$ 275,7 milhões (R$ 1,5 bilhão em 2 de setembro), com remuneração equivalente à alíquota do IPCA + 4,30% ao ano e prazo de 10 anos (com vencimento em 15 de agosto de 2030).


A proposta de emissão foi aprovada pelo conselho de administração da companhia em 12 de agosto. O escritório Machado meyer Advogados assessorou a Cesp na preparação e revisão dos documentos da oferta realizada no mercado nacional.


A firma Pinheiro Guimarães Advogados assessorou os coordenadores, que também receberam apoio das equipes jurídicas internas na operação encerrada em 21 de agosto.


A Cesp informou que os recursos líquidos arrecadados na operação serão utilizados para o pagamento parcial das obrigações da décima primeira emissão, realizada para bancar a renovação da concessão da Usina Hidrelétrica de Porto Primavera (Engenheiro Sérgio Motta), com capacidade de 1.540 megawatts ( MW), localizada no rio Paraná. A resolução do Ministério de Minas e Energia foi publicada em 15 de outubro de 2019. A Fitch Ratings concedeu rating “AAA (bra)” à proposta de emissão, de acordo com relatório de 17 de agosto.


A CESP gera e comercializa energia elétrica e administra a Usina Hidrelétrica de Paraibuna, no rio Paraibuna, com potência de 87,02 MW. A empresa é controlada pela Votoratim Energia e pela Canada Pension Plan Investment Board (CPPIB).


Assessores jurídicos

Assessores da Cesp – Companhia Energética de São Paulo:

 

Assessores do Banco Itaú BBA S.A., Banco Bradesco BBI S.A., Banco Santander (Brasil) S.A., Banco do Brasil S.A., Banco Votorantim S.A. e Banco BTG Pactual S.A.:

  • Advogados in-house do Banco Itaú BBA S.A.: Rafael Vietti da Fonseca e Leticia Alexandre Martins.
  • Advogados in-house do Banco Bradesco BBI S.A.: Renata Antonini Machida, Luiz Henrique de Miranda e Mariana Sanches Pedroso.
  • Advogados in-house do Banco Santander (Brasil) S.A.: Paula Bendit David, Marina Falcone Chaves e José Eduardo De Lima Flores.
  • Advogados in-house de BB do Banco de Investimento S.A.: Danilo Cesar Rissato, Maurício Nascimento e Alexandre Silva dos Santos.
  • Advogados in-house do Banco Votorantim S.A.: Ana Beatriz Silva Antequera Rabello, Kaike Augusto Machado, Rodrigo Nogueira de Souza Junior, Murillo Flores Magalhães e Giovanna Abreu.
  • Advogadas in-house do Banco BTG Pactual S.A.: Felipe Andreu Silva, Gabriela Trevisan e Izabel Siqueira do Val.
  • Pinheiro Guimarães Advogados: sócios Bruno Lardosa, Pedro Barretto Vasconcellos e Carolina Alonso Camargo. Associada Flávia Bonazza.

 

(Portal LexLatin - 04.09.2020)