Pregão eletrônico é coordenado pelo BNDES. Decisão da Autoridade Superior sai dia 14 de abril.

No pregão eletrônico para contratação de estudos para modelagem de participação privada na  Companhia de Abastecimento de Sergipe (Deso), realizado na terça-feira (21), o Consórcio Sanear Brasil apresentou o menor preço, R$ 4.375.900,00. O estimado para a licitação foi de R$ 15.155.569,57.

O Consórcio, coordenado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), é liderado pelo Machado Meyer, Sendacz e Opice Advogados, incluindo as sociedades Pinheiro, Mourão, Raso e Araújo Filho – Advogados, L.C.A. Consultores S.S., Núcleo de Gestão de Infraestrutura Engenharia e Serviços LTDA. e Dórea Mattos Engenharia LTDA.

A data limite para divulgação da decisão da Autoridade Superior é 14 de abril e as empresas MPB Saneamento Limitada e Serenco Serviços de Engenharia manifestaram intenções de recurso. E na sexta-feira (31) é a data limite para apresentação das contrarrazões.

(G1)

(Notícia na íntegra)